Exposições em cartaz

Exposição Machado de Assis na BBM: primeiras edições e raridades

PRORROGADA ATÉ O DIA 17 DE DEZEMBRO DE 2018.

Local: Sala Multiuso da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin

Período de visitação: de 28 de setembro a 17 de dezembro de 2018, das 8h30 às 17h30, de segunda a sexta-feira.

Curadoria: Prof. Dr. Hélio de Seixas Guimarães (FFLCH-USP)

Exposição Machado de Assis na BBM: primeiras edições e raridades

Local: Sala Multiuso da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin

Período de visitação: de 28 de setembro a 22 de novembro de 2018, das 8h30 às 17h30, de segunda a sexta-feira.

A abertura da exposição será no dia 27 de setembro, às 12h, com número musical e mesa-redonda, na Sala Villa-Lobos.

Curadoria: Prof. Dr. Hélio de Seixas Guimarães (FFLCH-USP)

Exposição Tarefas Infinitas

Mostra Tarefas Infinitas investiga as fronteiras entre o livro e a obra de arte

Depois de passar por Lisboa e Paris, a mostra Tarefas Infinitas chega ao Brasil em agosto no Centro de Pesquisa e Formação do Sesc e na Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin .

Como o livro coloca a arte à prova e como a arte põe o livro à prova? A mostra Tarefas Infinitas, que entra em cartaz a partir do dia 8 de agosto, propõe uma reflexão sobre o tema, remetendo para o diálogo infinito que a arte e o livro travam há séculos.

Exposição Macunaíma

Local: Sala BNDES da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin

Período de visitação: de 06 de agosto a 04 de setembro de 2018

A abertura da exposição será no dia 03 de agosto, às 14h, com apresentação do conjunto musical Mosaico, na Sala Villa-Lobos da Biblioteca.

Curadoria: Altina Felício

   
A mostra apresenta o trabalho de 39 artistas plásticos, que transmitiram para as telas e outras técnicas, suas impressões sobre a obra Macunaíma, de Mário de Andrade.

Prorrogação da Exposição Monteiro Lobato sem fronteiras

A exposição foi prorrogada e ficará em cartaz até o dia 27 de julho de 2018.

A exposição reúne obras de Monteiro Lobato traduzidas e publicadas no exterior, ao lado de obras da literatura universal traduzidas por ele para o público brasileiro. A mostra destaca a trajetória internacional da carreira literária de Lobato, um autor que ultrapassa fronteiras, passeia por diferentes culturas e transcende o seu tempo. Lobato traduzido e tradutor.

 

Curadoria: Luciano Mizrahi Pereira, Vladimir Sacchetta

Exposição Fotográfica: Povos da Floresta e Seu Habitat

Curadora: Profa. Dra. Maria Berenice Alho da Costa Tourinho - Universidade Federal de Rondônia

Abertura: 16 de maio de 2018, às 12h
Encerramento: 24 de maio de 2018.

Local: Sala BNDES da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin

Exposição: Monteiro Lobato sem fronteiras

A exposição reúne obras de Monteiro Lobato traduzidas e publicadas no exterior, ao lado de obras da literatura universal traduzidas por ele para o público brasileiro. A mostra destaca a trajetória internacional da carreira literária de Lobato, um autor que ultrapassa fronteiras, passeia por diferentes culturas e transcende o seu tempo. Lobato traduzido e tradutor.

Data: 7 de Maio a 27 de Junho de 2018

 

Exposição "Cerâmica Indígena do Brasil: preservando histórias e tradições"

Exposição "Cerâmica Indígena do Brasil: preservando histórias e tradições"

Período de visitação: De 07/11 a 20/12/2017

Sala Multiuso

 

Nesta exposição apresentamos a cerâmica dos índios Paiter Suruí de Rondônia e Asurini do Xingu. Nas culturas indígenas que trabalham com cerâmica, este tipo de arte vai além da dimensão material e se insere em um universo maior, que inclui as relações sociais, a relação com a natureza e com a sobrenatureza. Tanto a arte quanto as práticas tecnológicas estão interligadas a essas outras dimensões.

Sinapses - O Pensamento do Artista

Sinapses - O Pensamento do Artista

A exposição Sinapses - O pensamento do artista procura investigar os meandros da criação artística a partir da reunião de documentos do processo criativo, livros-de-artista, documentações de performances, objetos, vídeos, textos dos próprios artistas e outros materiais que evidenciem os processos de livre-associação de ideias e construção de poéticas da criação. 

Exposição Livros infantis velhos e esquecidos

A Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin convida para a abertura da exposição "Livros infantis velhos e esquecidos", a realizar-se no dia 03 de outubro de 2017, às 17h, na Sala Multiuso da Biblioteca.

A exposição ficará aberta para visitação no período de 04 a 30 de outubro de 2017.

O evento é gratuito e aberto ao público.

 

Exposição: A Imagem e a Literatura Latino Americana

Exposição ‘A Imagem e a Literatura Latino Americana’ une linguagens artísticas em panorama sobre a complexidade humana

 

Interação entre obras de 20 artistas plásticos e 18 escritores e poetas cria ambiente pluricultural na Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin, entre agosto e setembro

 

Exposição "Praia: Paisagem em Processo"

A Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin convida para a exposição "Praia: Paisagem em Processo", que ficará em cartaz de 06 de junho a 14 de julho de 2017, nas salas de exposição Multiuso e BNDES desta Biblioteca.  

Abertura: 06 de junho de 2017, terça-feira, às 18h.

Organização: Geraldo Souza Dias

O evento é gratuito e aberto ao público.

Lançamento da Revista "LIVRO nº 6" e da exposição "As bibliotecas de Maria Bonomi"

A Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin, o Núcleo de Estudos do Livro e da Edição (NELE) e a Ateliê Editorial convidam para o lançamento da Revista Livro nº 6 e da exposição "As bibliotecas de Maria Bonomi", no dia 03 de maio, quarta-feira, às 18h, na Sala Multiuso desta Biblioteca. 

 

AS BIBLIOTECAS DE MARIA BONOMI E A REVISTA LIVRO

 

Maria Bonomi dispensa apresentações; mas a próxima exposição, com as xilogravuras que fez para a revista Livro merece comentários.

“As Águas do Brasil na Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin”

Curadoria: Denise Moura
Período: 22 março a 26 abril -  2017
Sala Multiuso - BBM

FRITZ MÜLLER - O Príncipe dos Observadores (Tour Virtual)

Realize um Tour Virtual pela exposição itinerante que resgata a memória de Fritz Müller, corajoso cientista alemão, naturalizado brasileiro, colaborador de Charles Darwin.

Não faço nada sem alegria

A exposição de longa duração montada no andar térreo da Biblioteca reúne painéis, fotos e vídeos que retratam a vida do casal Guita e José.

Subscrever Exposições em cartaz