BBM no VestibularBBM DigitalEstudos e análises sobre autores e obras do acervo da BBM.Pesquise nos dicionários de língua portuguesa e de medicina popular dos séculos XVIII e XIX disponíveis no acervo digital da BBM.
O blog da BBM é um espaço de aproximação do público com a biblioteca, seu acervo e os trabalhos desenvolvidos por ela.

Notícias na Mídia

21/02/2019 - Seminários destacam o lado esquecido do Modernismo brasileiro: https://jornal.usp.br/cultura/seminarios-destacam-o-lado-esquecido-do-modernismo-brasileiro/

21/01/2019 - USP vai premiar estudos sobre Semana de 22 e Independência do Brasil: https://jornal.usp.br/universidade/usp-vai-premiar-estudos-sobre-semana-de-22-e-independencia-do-brasil/

"O Lado Oposto e os outros Lados", seminário do projeto 3x22 no SESC-SP

 

“O lado oposto e os outros lados” é o título de um artigo de Sérgio Buarque de Holanda, de 1926, no qual ele expõe suas distâncias tanto em relação ao tradicionalismo quanto em relação aos seus próprios confrades modernistas, sobretudo aqueles que se engajavam numa concepção orgânica e intelectualista da cultura brasileira, supondo que uma arte de expressão nacional nasceria apenas da imposição de uma ordem ou hierarquia “que estrangulassem de vez este nosso maldito estouvamento de povo moço e sem juízo”.

Cobra Norato - lenda amazônica em releitura modernista

O escritor Raul Bopp se inspira na lenda amazônica para escrever o poema Cobra Norato, uma das obras mais importantes do modernismo brasileiro, publicada em 1931. Numa edição de 1937, o poema de Bopp ganha a companhia das xilogravuras de Oswaldo Goeldi, que passou praticamente toda infância em Belém e estava por isso familiarizado com o ambiente amazônico.

Páginas

Subscrever BIBLIOTECA BRASILIANA GUITA E JOSÉ MINDLIN RSS