BANCO DE DADOS DA CONSERVAÇÃO

No âmbito do Laboratório de Conservação Preventiva Guita Mindlin (LCPGM) e com o apoio do BNDES, a BBM desenvolveu o Banco de Dados da Conservação, sistema informatizado que permite registrar e acompanhar a história de vida de cada obra do acervo, descrevendo o seu estado e toda eventual intervenção realizada no LCPGM.

O Banco de Dados da Conservação é um software inovador, único em seu gênero, pois reúne em uma única base o armazenamento de informações sobre restauro e conservação preventiva de livros, mas também de diplomas, documentos manuscritos, fotografias, mapas e obras de arte. Em uma única interface, são organizadas informações descritivas da obra, do seu estado de conservação, os tratamentos a que foi submetida, as condições de acondicionamento, além de fotografias que documentem cada intervenção e outras informações complementares. Finalmente, através dele é possível manter uma memória das intervenções e gerar relatórios sobre as mesmas.

A BBM entende sua utilidade institucional como de enorme potencial, tendo-o concebido, dessa maneira, como um SOFTWARE ABERTO E LIVRE, disponível para qualquer instituição interessada, pública ou privada, que pode aqui acessá-lo para instalação e uso.

Equipe de criação:

Desenvolvimento de conteúdo: Isis Baldini e Andréia Wojcicki Ruberti

Desenvolvimento de software: Maurício Nunes e Planejamento Visual – Arte e Tecnologia

Apoio:

Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES

Fundação de Apoio à Universidade de São Paulo - FUSP

São Paulo, setembro de 2021


Assista o tutorial de utilização: https://youtu.be/XilXsSgCl7Q


Baixe o código fonte e o manual de instalação: