Título: A Cerâmica do Povo Paiter Suruí de Rondônia: Continuidade e Mudança Cultural (1970-2010)

Autor: Jean-Jacques Armand Vidal

Editora: Publicações BBM

No. de páginas: 160 p.

Formato: 18 x 25,5 cm

Ano: 2022

ISBN: 978-65-87936-04-8

Distribuição: Edusp

Preço: R$ 72

Esta obra é o resultado de um trabalho de campo sobre a cerâmica elaborada pelo povo Paiter Suruí de Rondônia. A investigação se fez através de levantamento etnográfico, registro fotográfico e vídeo dos procedimentos utilizados por esse povo para fabricar suas peças, verificando a localização da matéria-prima, procedimentos de extração desse material, possíveis temperos agregados à argila, técnicas de modelagem, queima, tratamento de superfície e função utilitária e ritualística das peças, com ênfase nas relações sociais envolvidas nesse processo. Este livro propõe-se também a recolher e documentar peças cerâmicas contemporâneas, com a finalidade de comparar a produção atual com as coleções Suruís dos anos 1970 e 1980 do século xx, do acervo particular da antropóloga Betty Mindlin, e de peças elaboradas em 2010 na aldeia Gãbgir, de modo a verificar, de um lado, a continuidade dos processos tecnológicos e, de outro lado, as mudanças culturais, em termos de morfologia, volume, acabamento de superfície, além de observar se fatos históricos, como os contatos com os não indígenas, influíram ou alteraram a produção cerâmica em relação aos processos de manufatura, implementos utilizados, técnicas empregadas, usos e interferências nas relações sociais.

Jean-Jacques Armand Vidal é escultor/ceramista, pós-doutor pelo Instituto de Artes da Universidade Estadual Paulista, IA-Unesp, desenvolve suas pesquisas em torno da cultura material cerâmica, suas práticas, processos e procedimentos. Tem experiência em arte, psicologia e educação, atuando principalmente nos seguintes temas: cultura indígena, arte/cerâmica, artes do fogo e arte terapia.

.